Perfumes:

como escolher a melhor fragrância

Você sabia que, além  das diferentes sensações olfativas que um perfume transmite, o tempo de  fixação, projeção e concentração de óleos  especiais influenciam diretamente no efeito  desejado?

O termo “família olfativa”  é caracterizado pelas notas olfativas predominantes  em um perfume. 

É possível reconhecer  a personalidade de  cada um dos tipos de fragrâncias de perfumes.

Vamos conhecê-las:

Muito presente nos perfumes masculinos, despertam  uma base de fragrância sofisticada e elegante.

Fragrância Amadeirada:

Podem ser mais secas  ou cremosas, são ótimas alinhadas em perfumes florais e trazem essências fortes arbóreas.

É um grupo que se caracteriza pela presença de ingredientes herbais, geralmente utilizados em culinária. São frescas  e leves.

Fragrância Aromática

É muito versátil e sua personalidade varia de  acordo com a escolha da  fruta utilizada. Em geral, promove uma sensação vibrante e jovem.

Fragrância Frutal

Por trazerem a sensação de leveza e refrescância, são notas que revigoram.

Fragrância Cítrica

Geralmente, contém em  sua composição frutas  cítricas, como limão, laranja  e bergamota. São mais  voláteis e, por isso, pedem  uma reaplicação maior.

A palavra provém do  francês que significa “gula”.  Na perfumaria, essa família olfativa traz notas mais  quentes e cremosas.

Fragrância Gourmand

Muito presentes em perfumes femininos, podem ser sintéticas ou naturais, trazem muita elegância e personalidade à fragrância.

Fragrância Floral

É composta por de característica quente, envolvente e sensual, tais como as resinosas, balsâmicas e especiadas.

Fragrância Oriental

Leia também:

Como fazer layering de perfumes